Garibaldi Wedy: um legado ao Judiciário | por Vera Deboni e Felipe Rauen

Publicado em: 2-janeiro-2019

O findar do ano de 2018 trouxe para a sociedade gaúcha, em especial para a magistratura, a pesarosa notícia do falecimento do desembargador Garibaldi Almeida Wedy, aos 105 anos de idade.

O desembargador Garibaldi foi um homem que viveu a história do Brasil e do Rio Grande do Sul, seus conflitos, revoluções, golpes e contragolpes, não como simples espectador e sim como protagonista.

Foi integrante do Ministério Público durante o Estado Novo, e em 1945, mesmo ano do findar da Segunda Guerra Mundial e da redemocratização do país, ingressou na magistratura onde logo em seguida foi chamado a cumular a função jurisdicional com a executiva no período denominado “governo dos prefeitos”, quando administrou Sobradinho. Fez marcante  carreira na magistratura até se aposentar como desembargador do nosso Tribunal de Justiça.

Participou ativamente da Ajuris, a qual viu nascer e onde ocupou cargos de direção, e dedicou-se à literatura, sendo autor de mais uma dezena de livros, o último deles produzido, mediante ditado, quando já tinha mais de 100 anos de idade. Deixou descendência que o orgulhava – e que dele se orgulha – transmitindo o seu gene de juiz a um filho e um neto.

Raros podem dizer, como Neruda, “confesso que vivi”. Sem dúvida a expressão reflete o caminhar do nosso já saudoso colega Garibaldi Wedy

A Ajuris se despede do desembargador Garibaldi Wedy consternada, mas ao mesmo tempo orgulhosa de ter podido contar em seus quadros com personagem  tão significativo para a história de nosso Estado – em especial para o Poder Judiciário.

 

Vera Deboni, presidente da AJURIS
Felipe Rauen, vice-presidente de Aposentados da Ajuris

***

Confira a matéria e os vídeos com a homenagem feita o desembargador Garibaldi durante o Almoço dos Aposentados, realizado em outubro de 2018:

Almoço dos Aposentados foi com reencontro de amigos, homenagens e muita emoção

Discurso Des.Garibaldi Wedy:

 

 

Discurso Desa.Vera:

***

Leia a matéria sobre o diploma de Eleitor Emérito recebido pelo desembargador Garibaldi Wedy, no 2º turno das eleições de 2018:

Magistrado de 105 anos é homenageado como eleitor emérito

***

Obituário 

Garibaldi Wedy falece aos 105 anos

 

Departamento de Comunicação – AJURIS
51 3284.9107
imprensa@ajuris.org.br

 

Be Sociable, Share!

Menu

Notícias em Destaques