1º Vara Cível de Pelotas alcança vazão processual de 112% em 2018

Publicado em: 2-janeiro-2019

A Primeira Vara Cível da Comarca de Pelotas, na região sul do Estado, superou a meta de celeridade estabelecida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para o ano de 2018. Entre janeiro e dezembro foram encerrados exatos 3.651 processos contra 3.181 iniciados, o que representa um índice de vazão processual de 112%. O desempenho também impactou no número de processos em andamento na Vara, que caiu de 7.061, em janeiro, para 6.591, em dezembro.

Como estabelece o CNJ, a Meta 1 tem como desafio julgar uma “quantidade maior de processos de conhecimento do que os distribuídos no ano corrente”. De acordo com os Juízes titulares da Vara, Marcelo Malizia Cabral e Paulo Ivan Alves Medeiros, os resultados apresentados indicam que a metodologia de trabalho adotada no Juizado está gerando resultados satisfatórios, porque conta com o engajamento dos servidores e estagiários que estão sempre buscando o aperfeiçoamento das atividades.

Os magistrados ainda destacaram a metodologia de trabalho adotada na unidade, baseada no respeito mútuo, no diálogo, no monitoramento, no planejamento e na avaliação constantes das atividades em regime de gestão compartilhada; ressaltaram, igualmente, a importância da política de valorização permanente dos potenciais individuais e das habilidades coletivas da equipe, bem como a preocupação com o bem-estar social e com a melhoria da qualidade de vida de todos os colaboradores da unidade.

 

Departamento de Comunicação – AJURIS
51 3284.9141
imprensa@ajuris.org.br

Be Sociable, Share!

Menu

Notícias em Geral