União Gaúcha decide pela apresentação de emendas dos projetos de reestruturação do IPE

Publicado em: 26-fevereiro-2018

A União Gaúcha em defesa da Previdência Social e Pública do RS, em reunião realizada nesta segunda-feira (26/2), reiterou a contrariedade ao regime de urgência imposto aos projetos de reestruturação do Instituto de Previdência do Estado (IPE), em tramitação na Assembleia Legislativa. “É importante que o regime de urgência seja retirado, pois só assim haverá tempo e espaço para ampliar o debate, possibilitando encontrar as melhores soluções”, ressaltou a presidente da AJURIS, Vera Deboni.

Preocupados com a votação dos projetos, que estão pautados na Ordem do Dia da Sessão Plenária desta terça-feira (27/2), o Colegiado deliberou pela apresentação de emendas construídas pelos grupos de estudo da União Gaúcha à parlamentares da ALRS.

Entre as principais preocupações da AJURIS e da União Gaúcha está a criação do IPE-Prev, como um gestor único centralizado, a quem competirá a concessão, o pagamento e a manutenção dos benefícios. “Para a Associação, é imprescindível que seja preservada a autonomia orçamentária, financeira e administrativa do Judiciário – como de resto dos demais poderes e órgãos autônomos. Entre os temas que defendemos nessa pauta está, por exemplo, a permanência da folha de pagamento dos aposentados da magistratura junto ao TJRS”, destacou Vera Deboni.

Saiba quais são os projetos

– PLC 206/2017 – Trata da reestruturação do Instituto de Previdência, que passa a se chamar IPE Prev, e a ser o gestor único do Regime Próprio de Previdência Social do Estado.
– 
PLC 207/2017 – Dispõe sobre as regras do Regime Próprio de Previdência Social do Rio Grande do Sul (RPPS/RS).
– PLC 211/2017 – Dispõe sobre a criação do Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos do Rio Grande do Sul – IPE Saúde.
– PLC 212/2017 – Dispõe sobre o Sistema de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos do Rio Grande do Sul e altera a Lei Complementar 12.066/2004, que criou o Fundo de Assistência à Saúde (FAS).

Assembleia Geral

A União Gaúcha irá realizar na próxima-segunda-feira (5/3) uma Assembleia Geral Extraordinária para a escolha dos membros substitutos para a Coordenação Executiva. Com o pedido de afastamento de Gilberto Schäfer, ex-presidente da AJURIS, e Luiz Fernando Barbosa dos Santos, ex-presidente da APERGS, os cargos de presidente e vice-presidente do colegiado encontram-se vagos. Os escolhidos permanecerão à frente da UG até a realização das próximas eleições, que tradicionalmente ocorre no mês de maio.

 

Departamento de Comunicação
Imprensa AJURIS
51 3284.9125
imprensa@ajuris.org.br

Be Sociable, Share!

Menu

Notícias em Geral